a cappella de waly A3

No feriado de 21 de abril (sexta-feira), às 18h, a Galeria ENTRE recebe a performance “a cappella de waly A3”, um trabalho do performer e poeta soteropolitano Alex Simões a partir da obra do poeta-letrista Waly Salomão, com a participação especial do duo musical Klaus Janek e Milena Kipfmüller. A criação investe na presença e na articulação entre a emissão sonora da palavra e dos sons percussivos produzidos pelo corpo ou por objetos deslocados do seu uso cotidiano. A entrada é franca.

Klaus, Alex e Milena, em foto de Milena Kipfmüller.

Nessa troca com Klaus e Milena – ele, contrabaixista italiano; ela, artista sonora alemã-brasileira, ambos radicados em Berlim –, a ação de Alex Simões dialoga com os “instrumentos performativos” criados pela dupla, na interface entre encenação, arte radiofônica e som, produzindo sonoridades insólitas através do processamento musical das vocalizações e outros sons gerados no próprio ambiente e momento. Trata-se, portanto, de um encontro performativo entre três artistas e suas pesquisas, ou “sucessivos glosadores”, que plasmam versos e ruídos do contemporâneo. Klaus Janek e Milena Kipfmüller estão na capital baiana como bolsistas da Robert Bosch Stiftung, uma das maiores fundações corporativas alemãs, sendo acolhidos pelo Programa de Residência Artística Vila Sul do Goethe-Institut Salvador-Bahia, que assina a correalização deste evento.

VILA SUL – Oficialmente inaugurado em novembro de 2016, o Programa de Residência Artística Vila Sul do Goethe-Institut Salvador-Bahia é o terceiro no âmbito geral das 159 unidades do Goethe-Institut existentes no planeta, e primeiro e único da rede no “sul global”, abaixo da Linha do Equador. Sua proposta é de fortalecer interlocuções entre o Brasil e demais países do hemisfério Sul a partir da presença de artistas de todo o mundo. A vinda dos residentes se baseia no seu interesse genuíno em questionamentos que abordem perspectivas do tema ou que promovam o diálogo entre países deste hemisfério. Além de vivenciar a cidade e o estado, os visitantes têm contato com produções e agentes culturais locais, num intercâmbio de referências, experiências e conhecimentos. Entre 2016 e 2017, 22 artistas e agentes culturais já experimentaram esta oportunidade. Atualmente, entre março e maio, mais cinco residentes estão hospedados: além de Klaus Janek e Milena Kipfmüller, participam o artista multimídia Roy Dib, o artista visual Kudzanai Chiurai e a curadora e crítica de arte Susanna Gyulamiryan. “a cappella de waly A3” Com: Alex Simões, Klaus Janek e Milena Kipfmüller Quando: 21 de abril (sexta-feira), às 18h Onde: Galeria ENTRE (Rua Doutor Odilon Santos, 190, Rio Vermelho) Realização: Galeria ENTRE | Robert Bosch Stiftung | Goethe-Institut Salvador-Bahia Entrada franca

Posts Em Destaque
Posts Recentes
Arquivo
Procurar por tags
Siga
  • Facebook Basic Square
  • Twitter Basic Square
  • Google+ Basic Square